Orações pelas almas e em favor da paz

Budistas de diferentes tradições, cristãos católicos e episcopais, messiânicos e seguidores de outras religiões e filosofias se unem em plena harmonia para homenagear nossos antepassados e fortalecer a paz. Assim é o Tooro Nagashi de Registro, um ritual de profunda integração religiosa prenunciando a pacificação mundial.

As cerimônias religiosas são momentos de intensa expressão do Tooro Nagashi de Registro. Integram em harmonia budistas de diferentes tradições, católicos, episcopais, messiânicos e seguidores de outras religiões e filosofias, que juntos reverenciam os mortos e transmitem mensagens de paz.

Trazido ao Brasil em 1955 pelo monge Emyo Ishimoto e sua jovem esposa Miyoho, da ordem budista Nichiren Shu, fundada no Japão no século XIII, o Tooro Nagashi de Registro tornou-se inter-religioso após décadas de realização.

Atualmente, ao lado da Nichiren Shu, as cerimônias religiosas do Tooro Nagashi reúnem representantes do Templo Budista Honpa Hongwanji de Registro, das igrejas Católica e Episcopal, da Seicho-No-Ie, da Igreja Messiânica e das organizações Omoto Kyo (religião japonesa com raízes no Xintoísmo) e Sokagakkai (associação religiosa que segue os ensinamentos de Nichiren).

Até hoje, madre Myoho Ishimoto, a viúva do monge Emyo, é quem reza ao som do taiko pela purificação das águas do Ribeira de Iguape, a bordo do barco enfeitado por bandeiras que sobe e desce o rio no final da tarde de 2 de novembro. É também madre Myoho, monja do Templo Nichiren Shu Emyoji, que, ao anoitecer do dia 2, comanda a cerimônia inter-religiosa para as almas dos antepassados, que culmina com a soltura dos tooros no rio.

Mas é na véspera, em 1º de novembro, que a celebração inter-religiosa do Tooro Nagashi tem início, com uma cerimônia às 9 horas da manhã no Monumento das Almas do Cemitério da Saudade, no centro da cidade. A intenção desse ato é rezar pelas almas daqueles que contribuíram para o progresso de Registro e ali estão enterrados.

A programação inclui ainda um Culto da Seicho-No-Ie às vítimas de acidentes na rodovia BR-116, realizado às 9 horas do dia 2 de novembro, na estrada, próximo à cabeceira da ponte sobre o Rio Ribeira de Iguape.

Cart Item Removed. Undo
  • No products in the cart.